5 de abril de 2017
Imprensa
Juazeiro do Norte deve integrar projeto piloto do Programa Ceará Pacífico

Prefeito Arnon Bezerra destacou a importância da parceria entre Estado e Município e garantiu apoio para que o Programa seja implementado no Município

A Vice-Governadora do Estado, Izolda Cela, esteve na tarde desta terça-feira, em Juazeiro do Norte, para apresentar a proposta de implantação do Programa Ceará Pacífico, que vem sendo desenvolvido em cinco áreas prioritárias de Fortaleza, além de incorporar a ideia de atuar com projeto piloto no Norte e Sul do Estado. Em Sobral, o programa, que tem interface em áreas como Saúde, Social, Educação e Segurança, foi implementado desde fevereiro deste ano. Já em Juazeiro do Norte, foram dados os passos iniciais para começar os trabalhos.

Durante a reunião, ficou definido representante do Município para dar os primeiros passos no processo de implementação do programa, que atuará nas áreas mais vulneráveis. Nas localidades são adotadas as Unidades de Segurança – Uniseg, para realizarem ações efetivas nas áreas apontadas pelo projeto piloto. Um dos aspectos ressaltados pelos participantes, tem sido os resultados positivos obtidos no primeiro momento, a exemplo do Vicente Pizon, uma das cinco áreas de Fortaleza, com redução de cerca de 67% dos homicídios, crimes contra o patrimônio e roubos, contando também com menores índices de furtos e assaltos nas áreas.

A reunião contou com a presença do secretariado do Governo Municipal, além da equipe técnica da Governadora. Na ocasião, o Prefeito Arnon Bezerra destacou a importância do desenvolvimento de projetos integrados, entre Estado e Município, e ressaltou que Juazeiro do Norte, mesmo sendo um dos menores municípios do Estado em área territorial, ainda possui diversos problemas.

O gestor ainda lembrou da necessidade de ter, na cidade, pessoas capacitadas para exercerem as suas atividades, e consequentemente, darem os melhores resultados em busca do desenvolvimento. “Juazeiro do Norte quer pessoas capacitadas para atuar pelo Município”, ressaltou.

Enfrentamento da violência em várias vertentes

A Vice-Governadora destacou importância do pacto com os poderes, a exemplo da Assembleia Legislativa, Tribunal de Justiça, e os órgãos do Estado e Municípios, para atuarem no enfrentamento da violência, em suas várias vertentes e complexidades. “O que a violência tem gerado requer um olhar atento do Governo para o enfrentamento da questão”, afirma. O Programa Ceará Pacífico conta com um comitê de governança, com participação de órgão como a Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece).  Conforme a Vice-Governadora, “o processo de articulação pode dar mais força de enfrentamento”, esclarece. Ela ainda destaca que a violência, dentro do contexto que vem sendo trabalhada, tem muito a ver com o nível de vulnerabilidade das cidades. “Não é apenas um problema de polícia”, aponta.

Com a implantação do projeto, deverá haver um adensamento de políticas sociais e de segurança nas áreas mais afetadas, além de um monitoramento maior. Em Juazeiro do Norte, serão inseridos no programa os Territórios Prioritários do Pacto, que estarão sendo trabalhados inicialmente com a interlocução de secretária de Desenvolvimento Social e Trabalho, Isabela Bezerra, juntamente com o Coordenador Executivo do Programa no interior do Estado, Pádua Campos. O programa trabalha questões como a relação da polícia com a comunidade, mudando o enfoque na abordagem do cidadão, inserindo a Ronda Maria da Penha, Ronda Escolar, além de promover um diálogo constante com as crianças e os moradores.

A proposta de implantação do Programa, segundo o Coordenador Executivo, Pádua Campos, chega num momento propício em Juazeiro do Norte, por ser início de gestão, e se torna possível implementar de forma organizada. Para isso, é necessário realizar um diagnóstico o mais amplo e profundo possível da realidade local, com estrutura de governança e comitê deliberativo, incluindo  representantes do Estado, nas áreas de segurança, governo e judiciário local. 

Fotos: Samuel Macedo


Tópicos: