6 de junho de 2017
Imprensa
Programa Ceará Pacífico realiza seminário de implantação em Juazeiro do Norte

Mais um Seminário de implantação do Programa Ceará Pacífico acontece em Juazeiro do Norte. O programa já é desenvolvido nas cidades de Fortaleza e Sobral e em breve será instalado em Juazeiro do Norte, como projeto piloto no Estado, além das quatro áreas já com o programa implementado. O Ceará Pacífico envolve praticamente toda a gestão pública com o intuito de diminuir os índices de violência e oferecer serviços de qualidade para a população.

O Seminário acontece no auditório da Câmara dos Dirigentes Logísticos (CDL) de Juazeiro do Norte, durante os dias 5, 6 e 7 de Junho. O evento foi aberto com a fala da Secretária de Desenvolvimento Social e Trabalho, Isabela Bezerra, que coordena os trabalhos para implantação do projeto no Município. Vários secretários e representantes de todas as secretarias participam do encontro, que tem como objetivo a criação do plano de implantação do programa em Juazeiro do Norte. Inicialmente, foi destacada a importância de planejar bem as ações que serão desenvolvidas, além de uma breve apresentação do Pacto por um Ceará Pacífico.

Em seguida, Samuel Sobreira, representante da Secretaria de Segurança Pública e Cidadania apresentou diagnóstico sobre os índices de violência durante o ano de 2016 em Juazeiro do Norte, e os bairros com maior número de registros e as principais infrações cometidas. Também foi apresentado o perfil dos adolescentes assassinados em Juazeiro do Norte no período de 2014 e 2015. Com todos os dados apresentados, a proposta é que, após o seminário, seja encaminhado um plano que consiga oferecer serviços públicos que propiciem a mudança desta realidade. 

A apresentação e definição das propostas de implantação foram trabalhadas, mediante estrutura de governança, estratégias de ação, eixos e níveis de intervenção. As atividades desta terça-feira culminaram com a instalação de um comitê gestor para o programa em Juazeiro do Norte, além de definição de agenda de trabalho.

Fotos: Samuel Macedo


Tópicos: