5 de julho de 2017
Imprensa
SEMASP e AMAJU debatem plano de ação de controle à poluição sonora

Representantes da Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Serviços Públicos (SEMASP) e Autarquia Municipal de Meio Ambiente de Juazeiro do Norte (AMAJU) reuniram-se, nesta terça-feira, 04, com representantes da Secretaria de Turismo e Romarias (SETUR), Departamento Municipal de Trânsito (DEMUTRAN) e da igreja, para debater a solicitação do Ministério Público quanto à denúncia de poluição sonora nas romarias e apresentar o plano de ação, desenvolvido mediante a solicitação.

O Ministério Público recebeu denúncia de que no período das romarias, o trânsito de ônibus dificulta a locomoção na cidade e provoca poluição sonora, através da prática do ‘buzinaço’, de chegada e despedida dos romeiros.  Em resposta à essa solicitação, a AMAJU encaminhou para o Ministério Público um plano de ação que busca minimizar os impactos ambientais (sonoros e de locomoção).

O plano será executado de acordo com o calendário anual das romarias de Juazeiro do Norte, mapeando os principais pontos da cidade, com maior fluxo durante os festejos, para aferir a emissão sonora nos períodos da manhã, tarde e noite. Esse estudo também será realizado fora do período de romarias, para apresentar um parecer técnico de um ano, e a partir desses resultados traçar soluções que não prejudique a população reclamante e nem comprometa a expressão da fé dos romeiros que visitam Juazeiro do Norte.

O plano também contempla a realização de campanhas educativas em parceria com a Secretaria de Saúde (SESAU), DEMUTRAN e SETUR sobre a importância de zelar pela qualidade auditiva e ambiental no espaço público.


Tópicos: