12 de julho de 2017
Imprensa
CRM fecha parceria com Senac e capacita mulheres que sofrem violência doméstica

Com a conclusão do curso de manicure e pedicure oferecido pelo Senac, que aconteceu nesta quarta-feira, 19 mulheres estão capacitadas para entrar no mercado de trabalho. As participantes do curso foram encaminhadas por meio do Centro de Referência da Mulher (CRM), são vítimas de violência psicológica ou física, a maioria do próprio companheiro e que agora podem garantir o seu próprio sustento.

A Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (SEDEST), por meio dos equipamentos socioassistenciais, tem trabalhado no intuito de garantir a emancipação econômica e resgatar a autoestima dessas mulheres. “Estamos sempre encaminhando mulheres acolhidas pelo CRM para cursos. Hoje concluímos o de manicure e pedicure, e logo daremos início aos demais”, afirmou a coordenadora do CRM, Nanci Oliveira.

A emoção de concluir um curso, diante de uma história que poderia ter sido trágica, foi coletiva. Em mais de um mês de muito aprendizado, no encerramento, os sorrisos falavam muito mais que as palavras. “Todas temos uma história difícil, aqui me senti acolhida e fortalecida. O curso foi muito importante para a minha vida”, disse emocionada uma das mulheres assistidas pelo equipamento.

Serviços do CRM

Atualmente, o CRM atende, em média, 80 mulheres por mês, vítimas de violência doméstica. Essas mulheres preenchem cadastro e permanecem recebendo assistência social, jurídica e psicológica. Aproximadamente 90 encaminhamentos são feitos mensalmente pelo equipamento da SEDEST para cursos profissionalizantes disponibilizados de forma totalmente gratuita pelo Senac. 

Fotos: Samuel Macedo


Tópicos: