5 de setembro de 2017
Imprensa
Vigilância fiscaliza ranchos e pousadas para a Romaria

A Secretaria de Saúde de Juazeiro do Norte, através do setor de Vigilância Sanitária, realiza a fiscalização dos estabelecimentos de hospedagem do Município para o período de Romaria da Nossa Senhora das Dores. Este trabalho visa preparar e adequar os estabelecimentos para esta época de grande movimentação de visitantes na cidade.

 A inspeção dos hotéis, pousadas e ranchos é feita conforme os critérios previstos pela legislação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa. Todos os estabelecimentos formais (hotéis e pousadas) possuem um cadastro na Secretaria de Saúde, para serem vistoriados regularmente. Durante a visita são observados diversos aspectos estruturais, como por exemplo, se os extintores estão dentro do prazo de validade, as lâmpadas funcionando e se há mangueira de incêndio. Este trabalho preventivo possui apoio do corpo de bombeiros, que certifica se o estabelecimento está cumprindo com as medidas de segurança necessárias.

 Exigências

Nas cozinhas, são inspecionadas, entre outros critérios, as condições de armazenagem dos alimentos e se a mangueira de gás é certificada pelo Inmetro. Já nos quartos, são vistoriadas as condições dos colchões, da ventilação, das paredes, do teto e do piso, tudo pensando em fatores que possam causar algum tipo de prejuízo à saúde dos hóspedes.

Em caso de irregularidades o estabelecimento é notificado e recebe um prazo para normalizar a situação. Se as exigências não forem cumpridas no tempo determinado, o local pode ser interditado.

Além dos estabelecimentos de hospedagem, há grupos da Vigilância Sanitária fiscalizando os restaurantes e outros tipos de comercialização de alimentos. Este trabalho é constante, porém entre os dias 10 e 15 de setembro, período de maior fluxo de pessoas, a fiscalização é intensificada. Ainda nestes dias, a equipe da Vigilância contará com um ponto fixo de atendimento, próximo à Basílica de Nossa Senhora das Dores, onde estará disponível para prestar orientações e receber reclamações e denúncias.


Tópicos: