3 de dezembro de 2017
Imprensa
Dezembro vermelho: Campanha de prevenção à AIDS iniciada em Juazeiro do Norte

A Secretaria de Saúde de Juazeiro do Norte iniciou, na última sexta-feira, 1º, a campanha Dezembro Vermelho. Em 2017, dezembro foi instituído por lei como o mês para realização da Campanha Nacional de Prevenção ao HIV/AIDS e outras infecções sexualmente transmissíveis. A campanha tem como objetivo promover a prevenção da transmissão do vírus HIV e intensificar a assistência, proteção e promoção dos direitos humanos das pessoas portadoras da AIDS.

A abertura oficial aconteceu pela manhã, na sede da Secretaria de Saúde, com a celebração de um ato ecumênico e um café da manhã, que foi servido à população. À tarde, o setor de Infectologia, com o apoio do Núcleo de Mobilização Social, promoveu uma ação de conscientização na Praça Padre Cícero, que contou com a parceria das instituições de ensino superior Unileão e Faculdade de Juazeiro do Norte (FJN) e do Senac. Foram oferecidos à população serviços de aferição da pressão arterial e testes de glicemia capilar; distribuição de preservativos masculinos e femininos; orientação e apresentação artística do Quarteto de Agentes Comunitários de Saúde. Houve ainda apresentação da peça teatral “Auto da Camisinha”.

Outras programações

Durante o mês, acontecerão outras atividades, entre elas, ação de conscientização no Restaurante Popular, no próximo dia 05, com panfletagem e distribuição de preservativos. No dia 15, será feita uma confraternização para os usuários do centro de infectologia. Haverá ainda um momento de atividades para a população da zona rural.

“Estamos intensificando, nas Unidades Básicas de Saúde da Família, o teste rápido para HIV. Nós já temos na rotina dos nossos serviços, mas estamos intensificando durante esse mês, no intuito de diminuir o número de casos e prevenir, e também de reduzir o preconceito”, afirmou a secretária executiva de saúde do Município, Francimones Rolim.

Centro de infectologia

O Centro de Infectologia é formado por uma equipe multiprofissional (médicos, enfermeiros, assistente social, psicólogo, técnicos de enfermagem) e funciona na Policlínica Tasso Ribeiro Jereissati (antigo Estefânia), atendendo pacientes da 21ª microrregional de Saúde (Juazeiro do Norte, Barbalha, Missão Velha, Caririaçu, Granjeiro e Jardim).

De acordo com a enfermeira, Arlene Bezerra, o paciente pode ter acesso aos serviços do Centro de Infectologia através de demanda livre ou por encaminhamento. Lá, além das consultas e tratamento com especialistas, o paciente também pode ser beneficiado, a depender da necessidade, por grupos de apoio e serviços assistenciais, como recebimento de cesta básica.

[ SONORA FRANCIMONES ] 

Galeria de fotos


Tópicos: