11 de abril de 2018
Imprensa
Juazeiro do Norte atinge 100% de produção hospitalar e ambulatorial

A Secretaria de Saúde de Juazeiro do Norte, através da reestruturação dos serviços da Atenção Especializada, chegou a atingir, no último semestre de 2017, mais de 100% de seu desempenho em produção hospitalar e ambulatorial. A avaliação é feita pela Secretaria de Saúde do Estado do Ceará, que disponibilizou em relatório os números que analisam o percentual de utilização do recurso federal e de condições de atendimento na média e alta complexidade nos municípios.

Produção

Os atendimentos relacionados à atenção especializada são desde a consulta com o médico especialista, como ortopedista e urologista, até as cirurgias, que são realizados em Juazeiro do Norte. De acordo com o coordenador da Atenção Especializada, Lucimilton Macedo, o trabalho de recuperação da produção do Município foi iniciado ano passado, com orientação da secretária de Saúde, Nizete Tavares.

O coordenador explica que a produção do Município estava abaixo de 40%. “Fomos detectar quais eram as falhas, e entre elas estavam ações que eram executadas e não estavam na programação. A partir daí fizemos toda a reprogramação do Município e apresentamos ao Estado nossa realidade. Dentro dessa alteração de programação conseguimos ter um desempenho bem maior”, explicou Lucimilton Macedo.

Consultas saltam de 700 para 4 mil/mês

Na nova programação consta a retomada da realização de alguns procedimentos, como as cirurgias da região da cabeça e pescoço. Houve ainda um aumento significativo na quantidade de consultas com especialistas realizadas na Policlínica Tasso Ribeiro Jereissati, que de uma média de 700 atendimentos mensais passou a 4 mil. “Nesse período analisado no relatório, junho a novembro de 2017, Juazeiro sempre esteve acima de 94%, o melhor desempenho da regional de saúde”, completou o coordenador da Atenção Especializada.


Tópicos: