23 de novembro de 2018
Imprensa
Filme produzido por crianças e adolescentes dos Cras será utilizado na conquista do Selo Unicef

Como protagonistas, crianças e adolescentes deram voz e movimento ao filme intitulado ‘Quer ir mais eu, vamos. Quer ir mais eu, vumbora.’, produzido pela equipe da Secretarias de Desenvolvimento Social e Trabalho (Sedest), Cultura e Comunicação, por meio do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do Horto. O projeto, lançado nesta sexta-feira, 23, no Memorial Padre Cícero, será utilizado na conquista do Selo Unicef.

O filme conta através de repentes, a defesa da ideia de que crianças e adolescentes são também sujeitos de direitos e merecem acesso à cidadania e proteção. “Eles participaram ativamente, contribuíram em todo o processo”, afirmou o pedagogo do CRAS Horto e idealizador do projeto, Lucion Caeira. Segundo o pedagogo, o intuito do projeto é fortalecer, prevenir e promover a divulgação e efetivação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

O Vice-prefeito, Giovanni Sampaio, participou do lançamento e parabenizou a equipe pelo trabalho empreendido na busca pelo Selo Unicef. “Esse filme mostra o quanto a equipe da Sedest é comprometida com o desenvolvimento social de todos os públicos”, disse.

O filme também contou com representantes de todos os equipamentos socioassistenciais da Sedest e grupos de tradição de Juazeiro do Norte, como reisado, lapinha, entre outros.

 Fotos: Hélio Filho

Galeria de fotos


Tópicos: