24 de janeiro de 2019
Imprensa
Seduc e Proerd certificam 1.578 alunos

A Prefeitura de Juazeiro do Norte, através da Secretaria de Educação, juntamente com a Polícia Militar, através do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), certificaram 1.578 alunos que concluíram as atividades do Programa no ano letivo de 2018.
O evento aconteceu na quadra do Ginásio Poliesportivo na tarde desta quarta-feira, 23. Realizado em parceria entre as duas instituições, certificou alunos do 5º ao 7º ano do ensino fundamental da rede municipal de Educação de Juazeiro do Norte. Além dos alunos, a cerimônia contou com a presença de pais, mães e responsáveis pelas crianças. Participaram também o Vice-Prefeito Giovanni Sampaio, a Coordenadora Pedagógica da Secretaria de Educação, Carmem Lúcia Tomaz Bezerra, o Chefe de Gabinete, Dr. Nildo Rodrigues, e o Procurador Geral do Município, Dr. Micael François e do Sub Comandante da Polícia Militar, Coronel Brito.
Os alunos foram certificados após 10 semanas de atividades extracurriculares ministradas por educadores sociais do Proerd em 19 unidades escolares. Eles ministraram aulas cujas temáticas abordaram consequências do uso de drogas, combate ao bullying, a importância de se ter boas amizades, resistência às pressões de grupo, valorização da auto-estima, solução pacífica de conflitos e como saber tomar decisões na vida.
De acordo com a coordenadora do programa Proerd pela Seduc, Silvia Marinho, todas as lições privilegiam a interatividade, fazendo com que os alunos, juntos com seu instrutor e o professor, se tornem sujeitos ativos na sala de aula e fora dela, envolvendo a todos com o que foi ensinado. “Nossas crianças amam o proerd e as temáticas desenvolvidas em sala de aula. Elas refletem isso no comportamento na escola e na família”, comenta Silvia Marinho.
O Coordenador do Proerd em Juazeiro do Norte, Sargento Fontes, explica que o programa trabalha em parceria com as escolas no sentido de orientar as crianças. “Essa é uma ação da da Policía Militar que fala sobre a prevenção do uso de drogas e da prática da violência,  que leva orientações para que as crianças no futuro possam viver longe desses riscos”, ressalta o Sargento Fontes.
Já o vice-prefeito Giovanni Sampaio acredita que o trabalho do Proerd nas escolas é uma das maneiras eficazes de se combater a violência e prevenir o uso de drogas. “Nada melhor do que investir na prevenção e conscientização de cada jovem do mau que as drogas fazem. Não é uma conscientização repressora, mas acima de tudo, conscientizando através de exemplos, mostrando uma conduta adequada para as futuras gerações”, concluiu Giovanni Sampaio.
 

Fotos: Hélio Filho

Galeria de fotos


Tópicos: